“Onde há os consagrados, há alegria” – Papa Francisco

Na Igreja Nossa Senhora do Carmo, os membros da Comunidade Sementes do Verbo se reuniram para celebrar a Vida Consagrada no Carisma. A Santa Missa foi presidida por Dom Alberto Taveira Corrêa, Arcebispo de Belém, na noite do dia 03 de dezembro. Na Celebração, foram pronunciadas as três etapas dos Votos Religiosos: Os Primeiros Votos e Tomadas de Hábito, Os Votos Temporários e os Votos Perpétuos. 


Os Primeiros Votos são o rito em que se pronuncia o voto de Pobreza, Castidade e Obediência perante a Comunidade e a Igreja. Neste momento, os novos religiosos recebem o Hábito da Comunidade SdV, símbolo da Consagração por inteiro a Cristo, e um Novo Nome que marcará uma nova etapa, um novo nascimento para a vida cristã. A mudança é feita a partir de um tempo de oração e discernimento juntamente com a Comunidade. O compromisso dos primeiros votos se estende pelo período de um ano, quando deverá ser renovado.

Na Santa Missa houve também o rito de Profissão dos Votos Temporários. Nesta etapa, o Consagrado confirma o compromisso assumido no primeiro “sim” e já demonstra o desejo de consagrar de modo definitivo e total. Este compromisso se estende por três anos. “Os três votos são como os três laços que asseguram uma solidez, pois são os laços de um amor maior” (Regra de Vida SdV nº 218)

Foi realizada ainda a profissão de Votos Perpétuos, etapa de decisão definitiva de união com Deus e com a Igreja. “Com a ajuda dos dons do Espírito Santo, e a colaboração de cada um, com a graça de Deus, as virtudes vão poder contribuir para a edificação da alma consagrada” (Regra de Vida SdV nº 219).

Na homilia, Dom Alberto convidou a todos a terem um novo olhar de esperança e coragem a partir desse dia. Para ele, os jovens missionários são pessoas que assumiram viver os sonhos de Deus e que devem crer que o Senhor faz maravilhas. “Quem se consagrada a Deus é a pessoas mais corajosa que existe neste mundo, que aceita nadar contra a correnteza!”, falou o Arcebispo. 

Confira os testemunhos dos Consagrados:


Testemunho Ir Edith Maria – Votos perpétuos (Casa Santa Rosa de Lima – Filipinas):

“A graça dos votos perpétuos é poder expressar em palavras diante da Igreja na pessoa de Dom Alberto e de toda a Comunidade a verdade que carrego em meu ser: minha existência só faz sentido na consagração a Deus na Comunidade Sementes do Verbo. Para quê? “Para que o mundo saiba que amo o Pai” (Jo 14, 31).

Testemunho Ir Estêvão – Votos temporários (Seminário D Vicente Zico – Belém/PA)

“O motivo que me leva a entregar minha vida inteiramente a Jesus na Vida Consagrada foi ter encontrado Nele (e somente Nele) palavras de vida eterna”.


Testemunho Irmã Agnes – Primeiros votos (Abadia de Tongerloo – Bélgica) 

“Estou à espera para que minha Palavra se cumpra” (Jr 1, 12).

Hoje começa um longo caminho do cumprimento das promessas do Senhor.O Senhor me deixou livre de escolher ou não por Ele.

Porém, ao olhar para minha história acompanhada, salva por Deus; eis que a escolha de “pertencer somente à Ele”, se apresentou a mim como a única escolha lógica… devolver à Ele o que Ele próprio me deu: a vida.

“Aquele que primeiro me amou, é Ele que me terá” (Santa Inês).

Dou a vida para anunciar “o Eterno”, para saciar as almas sedentas de algo, ou melhor, de “Alguém” que não passa! Sou profundamente feliz em ser esse “dedo” que aponta e apresenta o Cordeiro, sou feliz por ser sua esposa!.


Testemunho Irmão Lorenzo – Primeiros Votos (Studium Guido – Rio de Janeiro/RJ) 

“Professar votos é declarar ao mundo inteiro que a Igreja está viva e que Jesus continua, mesmo nos tempos de hoje, a chamar discípulos para a sua messe. Por isso, me alegro muito em poder dar esse “sim” ao chamado de Deus.

Deixe aqui sua Ação de Graças